Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



E vou pelo mundo...

Segunda-feira, 26.12.16

Chegou a hora de aterrar sementes no alargar dos passos

de dedilhar a canção da nova vida no cruzar dos mares

de rendilhar no horizonte um arco-íris

e desenhar uma estrela cadente no novo céu...

Ainda é madrugada e a paz se faz em mim no ajeitar de sorrisos numa diminuta valise e no sussurrar de pequenas estrelas que vão bordando pérolas ao vestir o quarto de palavras que não ouso mais alto proferir.

O dia não tarda e me apresso em alinhar na memória as lembranças mais felizes, descartando aquelas que desfizeram os sorrisos, desiluminaram as estrelas e os empoçaram em lágrimas dentro de mim.

Ainda resta um tempo até que o primeiro raio de sol se infiltre pela cortina do quarto, e nesse tempo vagueio pela casa como se percorresse um templo onde a quietude se instalou exigindo passos lentos e leves para não perturbar o sossego há séculos adquirido.

E o dia desperta, e o primeiro raio de sol se anuncia, e a hora de partir se faz...

De bagagem nova na mão, coração aquietado, abro a porta e respiro o ar puro que o dia está trazendo em suas entranhas. 

Olho para o céu e o vejo totalmente azul a refletir os raios de um Sol que se anuncia majestoso como a dizer que estará sempre me aquecendo mesmo que em terras gélidas ou inóspitas eu tenha que novamente pisar. 

euBLOGpostagem.jpg

 

 

 

 

 

Fecho a porta, aterro a chave num canteiro de açucenas, enfeito o olhar de esperança...

E vou pelo mundo me encontrar!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

de helena às 13:15


38 comentários

De Marilene Duarte a 12.02.2017 às 02:59

Minha querida, eu me lembro sempre de você. Espero que esteja vivendo belos dias, capazes de afastar aquelas tristes sombras com as quais já conviveu. Que haja estrelas em seu céu e que o sol e a lua se alternem para iluminar seus olhos. Grande abraço!!

De Mae Maria a 10.02.2017 às 15:07

A vida vai prosseguindo ao sabor lento das lágrimas feito dores e cansaço. Assim, bato à sua porta para colmatar a saudade das palavras da Helena. Espero que esteja tudo doce por esses lados. Um beijo de saudade

De batidasfotograficas a 08.02.2017 às 19:41

Olá Helena! Entre as plantas do meu jardim no sul. A lua já brilha por entre folhas e insectos reluzente. Ao principio da noite e ainda a nascente, a lua emoldurada por farrapos de nuvens deixa um rasto de saudade bem visível. Saudade de ti.
Onde estiveres, aceita um carinhoso abraço.

De Zilani celia a 07.02.2017 às 01:37

OI HELENA!
APENAS PARA TE DIZER "SAUDADES"...
UM GRANDE ABRAÇO AMIGA, DESEJO QUE ESTEJAS MUITO BEM E FELIZ.
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

De Fábio a 24.01.2017 às 03:32

É uma hora mágica do recomeço do dia, da agualzada dos pássaros, do recomeçar. Do forte apelo simbolico, metafórico dos primeiros raios de sol, da aurora. De uma nova chance,oportunidade, de um dia inteiro pra se sentar. E a noite deitar com a consciência do dever cumprido, dormri um sono gostoso, suave, dos justos. Ótimo, Helena. Beijos!

De Mariazita Azevedo a 23.01.2017 às 18:04

Leninha, minha querida
Estava estranhando o teu silêncio no email... Está justificado.
O teu texto é de uma beleza ímpar!
Li-o duas vezes, e creio que o lerei mais vezes. É lindo!
Estou no aguardo de notícias tuas, que esperarei pacientemente.
Até lá... tudo de bom para ti.

Votos de uma semana muito feliz.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS (http://acasadamariazita.blogspot.com/)

De Jaime Portela a 16.01.2017 às 22:54

Belíssimo texto.
Gostei imenso de assistir à partida...
Boa semana, querida amiga Helena.
E bom ano de 2017.
Beijo.

De Paulo Vasco Pereira a 14.01.2017 às 01:33

Venho deixar um beijo, Helena.
Espero que esteja bem.

De Poções de Arte a 12.01.2017 às 12:16

E meus olhos se encheram de lágrimas sentindo a solidão e a quietude do quarto.
Mas o sol sempre nos aquece e o Criador está sempre dizendo "estou aqui, de braços abertos te esperando, sempre!". É o que nos dá forças para prosseguir.

Que Deus abençoe seus dias e que este ano seja lotadinho de vitórias e realizações.
Receba o meu abraço esmagador e o compartilhe com sua amiga, aquela que gentilmente deixou recado em nossos cantinhos (não esqueço dela).

Feliz e abençoado 2017!

De mae maria a 11.01.2017 às 10:03

passei para lhe dar uma beijinho de saudades e ver como tem passado. Janeiro já vai a meio e há que nos divertirmos, amando e sonhando, pois o tempo voa demasiado apressado.
Fique bem amiga Leninha.

Mãe Maria

Comentar post


Pág. 1/4